Moro perde paciência e destrói ideologia de dois deputados PSOLISTAS que querem atrasar seus projetos







O ministro Sérgio Moro se indignou devido a malícia da esquerda, querer atacar sua honestidade e tentar manipular sua conduta, frente aos diversos temas polêmicos, entre eles, pacote anticrime, prisão em segunda instância, vaga no Supremo Tribunal Federal, entre outras.





Moro dá nomes aos bois e diz que dois dos deputados da linhagem marxista, sempre foram contra seus projetos, entre eles o anticrime.

O ministro diz que os psolistas Marcelo Freixo e Glauber Braga foram contra a aprovação do projeto, bem como outras ações em combate ao crime. Sendo assim Moro disse: "não gosto desse jogo político, mas verdades precisam ser ditas. No projeto lei anticrime, propusemos que milícias fossem qualificadas como organizações criminosas e que Freixo e Glauber Braga foram contra".





Assim entendemos que esses dois cidadãos lulodilmista, só querem mesmo atrasar o desenvolvimento do governo e sujar a imagem de Moro. Fora Braga, fora Freixo.





Compartilhe e alcance mais pessoas:

Siga-nos no Twitter:



Fechados com Bolsonaro! 🇧🇷🤝
Grupo Público · 9.049 membros
Participar do grupo