Após almoçar com generais, Bolsonaro visita a PGR e se prepara para enfrentamento decisivo com Celso de Mello | a cobra vai fumar






Foi publicado um matéria de grande relevância pelo jornalista gaúcho Políbio Braga, onde afirma categoricamente que o presidente Bolsonaro está se movimentando para enfrentar de forma decisiva o ministro do Supremo Tribunal Federal STF Celso de Mello por conta das provocações por ele proferida sobre apreensão do celular.

Jair Bolsonaro se reuniu nesta segunda-feira, 25, com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e com a cúpula das Forças Armadas em um almoço que não estava previsto na agenda presidencial.




Encontro ocorreu em meio ao aumento da tensão política provocada pela divulgação do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril, e também pelo pedido de apreensão dos celulares de Jair Bolsonaro e do vereador Carlos Bolsonaro pelo ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal.


O conteúdo do encontro não foi revelado. Participaram do almoço, além do ministro da Defesa, o comandante da Marinha, almirante de esquadra Ilques Barbosa Júnior; o comandante do Exército, General de Exército Edson Leal Pujol, e o comandante da Força Aérea, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermúdez.


Mais cedo, Bolsonaro se reuniu com o procurador-geral da República, Augusto Aras, também de maneira não agendada previamente.


Compartilhe e alcance mais pessoas:

Siga-nos no Twitter:



Fechados com Bolsonaro! 🇧🇷🤝
Grupo Público · 9.049 membros
Participar do grupo