General Girão não se intimida e manda recado para Celso de Mello e STF "Se quer ser respeitado como ministro do Supremo respeite os militares"






O general do Rio Grande do Norte RN, general Girão PSL, concedeu uma entrevista ao portal Jornal Cidade On-line, onde o mesmo discutiu temas diversos, relacionados a política, pandemia, STF, entre outros.

Para Girão, o Supremo Tribunal Federal, desrespeitou os militares, bem como a própria Constituição Federal CF, na pessoa do ministro Celso de Mello.





Todavia a expressão usada por  Mello, "debaixo de vara" , condução coercitiva, foi o estopim para revolta do general do RN, como também para os que sofreram tal injúria.

“Infelizmente, essa autoridade do Supremo Tribunal Federal, que eu prefiro não falar o nome, não tem formação militar, não sabe o que é ser um militar, o militar jura defender a Pátria com o sacrifício da própria vida. O compromisso com a verdade é um dos nossos compromissos basilares. O Supremo não usou esses termos quando ouviu bandidos que roubaram o Brasil nos últimos 30 anos. Se ele quer ser respeitado como ministro do Supremo Tribunal Federal, ele precisa respeitar os militares das Forças Armadas.” Disse.
Confira o vídeo: 





Compartilhe e alcance mais pessoas:

Siga-nos no Twitter:



Fechados com Bolsonaro! 🇧🇷🤝
Grupo Público · 9.049 membros
Participar do grupo