Presidente Bolsonaro manda mensagem aos trabalhadores e diz que culpa do desemprego é dos gorvernadores e prefeitos





Por jornalista Polibio Braga


O presidente Jair Bolsonaro falou por ocasião do Dia do Trabalho e afirmou, hoje, que gostaria que “todos voltassem a trabalhar”. Bolsonaro, no entanto, disse que quem decide sobre a volta ao trabalho não é ele, mas sim “os governadores e prefeitos”:


- O Brasil é um país maravilhoso. Eu tenho certeza, que (com) Deus acima de tudo, brevemente voltaremos na normalidade.






O presidente falou na saída do Palácio Alvorada. Com ele estava a deputada Bia Kicis.


Em seguida, Bolsonaro retornou ao Alvorada acompanhado da deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) e deum grupo de agricultores familiares. A reunião durou cerca de uma hora. O presidente chamou o grupo para entrar em sua residência por volta das 9h. O grupo foi agradecer ajuda recente recebida do governo. O maior motivo dos agradecimentos, segundo a congressista, foi a abertura de crédito extraordinário de R$ 500 milhões para o agronegócio via MP (medida provisória) –nº957–, editada na última 2ª feira para cumprimento do PAA (Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar) emergencial.


De acordo com Kicis, Bolsonaro “ouviu muito os agradecimento” e disse que “realmente a grande preocupação dele é que –a OIT (Organização Internacional do Trabalho) já está dizendo– vai haver 80% de queda da receita daquelas pessoas mais pobres, com menor proteção.”


Compartilhe e alcance mais pessoas:

Siga-nos no Twitter:



Fechados com Bolsonaro! 🇧🇷🤝
Grupo Público · 9.049 membros
Participar do grupo