"Debaixo de Vara" se diz com moleque ou bandido": jornalista toma lugar de Heleno e bota Celso de Mello na lona | respeito aos quatro estrelas







O jornalista e historiador Hugo Studart, escreveu em uma de suas redes sociais, uma resposta um tanto quanto interessante, sobre a ação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello, aos militares que compõem o Governo Bolsonaro. 

Para Hugo, o decano Celso de Mello foi muitíssimo deselegante ao tratar os também ministros da gestão Bolsonaro com a expressão "DEBAIXO DE VARA". Assim sendo ele toma o lugar do General e ministro de Bolsonaro Augusto Heleno e responde a Celso de Mello assim. Veja o que ele escreveu:





Não se pode ameaçar certas pessoas que se apresente à Justiça "sob vara". Isso se faz com moleque ou bandido. Mas Celso Mello -- aquele "juiz de merda", nas palavras registradas por seu padrinho Saulo Ramos -- fez essa ameaça aos ministros (generais quatro estrelas) do Palácio. Extrapolou, jogou gasolina na fogueira. Não se pode tratar um ministro como um meliante.

Se eu fosse o Heleno, mandaria um cabo entregar uma vara ao Celso Mello, em mãos, com um bilhete: "Venha pessoalmente me buscar". Mesmo porque ministros têm a prerrogativa legal de depor quando quiser, onde bem entender.

O Supremo há muito vem passando a mão no traseiro do Bolsonaro. Sem reação. Já começou a dar dedada. Como essa aí. Está faltando aquilo que os espanhóis, com muita propriedade, chamam de "cojones". Vamos lá Heleno: cojones!


Compartilhe e alcance mais pessoas:

Siga-nos no Twitter:



Fechados com Bolsonaro! 🇧🇷🤝
Grupo Público · 9.049 membros
Participar do grupo